Quarta, 11 Setembro 2019 21:08

TODOS UNIDOS CONTRA DOR

Avalie este item
(0 votos)

Polícia Militar apoia ações preventivas do Setembro Amarelo

Neste ano, o “Setembro Amarelo”, mês dedicado à prevenção do suicídio, o tema é "Falar é a Melhor Solução”, e a Polícia Militar do Amazonas (PMAM) realiza um importante trabalho na prevenção ao suicídio por meio de ações de gerenciamento de crise e técnicas de negociação que são aplicadas pelos policiais em caso de pessoas tentarem contra a própria vida.

Os policiais são capacitados pelo Centro de Psicologia da PMAM, que realiza oficinas com palestras de orientação sobre patologias e sintomas para, assim, fazer com que o efetivo da Corporação tenha conhecimento para lidar com as pessoas que sofrem de depressão e tentam o suicídio. A capacitação possibilita aos policiais um olhar diferenciado sobre as pessoas com problemas emocionais e mentais, o que tem proporcionado resultados positivos em situações registradas recentemente na Capital.

Segundo o psicólogo do Centro de Psicologia, capitão Alexandre Picanço, a PMAM vive em um processo de construção de valorização de saúde psicológica. Ele explica que as mudanças para o conhecimento são gradativas, na forma de valorizar o trabalho e entender a importância da orientação no combate à depressão e tentativas de suicídio que o policial lida a cada ocorrência.

Outro fator positivo que a PMAM incentiva são as ações de seus policiais no conhecimento da causa e o seu engajamento em campanhas e ações de Organizações da Sociedade Civil (OSC), como é o caso da vice-presidente do Núcleo de Apoio à Vida Manaus (Navima), a psicóloga e tenente Edith Martins.

Ela conta que o “Setembro Amarelo” é uma campanha nacional de prevenção ao suicídio, iniciada em 2015 pelo Centro de Valorização da Vida (CVV), Conselho Federal de Medicina (CFM) e Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP).

 amarelo mes setembro

DIA DE COMBATER

"Desde 2003, o dia 10 de setembro é o Dia Mundial de Prevenção ao Suicídio. A ideia é promover eventos que abram espaço para debates sobre suicídio e divulgar o tema alertando a população sobre a importância de sua discussão. Falar sobre o assunto é muito importante, pois é uma questão de saúde pública. Só no Brasil, o suicídio é a quarta causa mais comum de morte entre jovens”, informou.

Ainda segundo a oficial, o Centro de Valorização da Vida é reconhecido como um serviço de utilidade Pública Federal. "É uma associação sem fins lucrativos e filantrópicos que busca dar apoio emocional e prevenção para quem precisa. Desde 2015, é possível entrar em contato com eles através do telefone de maneira gratuita, basta ligar o número 188. O atendimento é anônimo e realizado por voluntários que guardam sigilo".

O Núcleo de Apoio à Vida Manaus é uma OSC sem fins lucrativos, mantenedora do posto CVV Manaus, que funciona no Hospital da Criança e tem atualmente 23 voluntários capacitados pelo CVV nacional de Brasília, e, em breve, vai atender pelo 188, no qual os voluntários vão dedicar 4 horas do seu tempo por semana para atender as ligações.

 

PROMOÇÃO

A Corporação conta também com a Diretoria de Promoção Social, que, junto com o Centro de Psicologia da PMAM, realiza campanhas de orientações para o policial. Os policiais lidam com ações preventivas e, logo, conhecem melhor as fragilidades do ser humano, uma vez que no seu trabalho diário, surgem diversas situações que esse tipo de conhecimento é necessário.

Na manhã desta quarta-feira (11/09), a PMAM realizou, no auditório do Comando de Policiamento Especializado (CPE), a abertura da I Campanha Setembro Amarelo. Trata-se de um ciclo de palestras de prevenção ao suicídio, que será desenvolvido durante três dias de atividades com atividades voltadas aos policiais militares e à comunidade adjacente.

...

FOTO: CB JOSIAS PEREIRA