Terça, 14 Junho 2022 09:16

ATÉ ONDE ESSE CARECA PENSA QUE VAI?

Avalie este item
(0 votos)

Moraes prorroga por mais 60 dias inquérito contra Bolsonaro por declarações sobre vacinação

Ministro do Supremo Tribunal Federal atende a pedido da Polícia Federal, que havia pedido a extensão do prazo

  • Por Jovem Pan

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes atendeu a pedido da Polícia Federal (PF) e prorrogou por mais 60 dias o inquérito que apura declarações do presidente Jair Bolsonaro (PL) com notícias falsas sobre a vacinação. Na época, Bolsonaro apontou uma suposta ligação entre as vacinas e pessoas serem infectadas pela AIDS mais rapidamente, o que não é real.

A investigação foi aberta a pedido da CPI da Pandemia em seu relatório final, que apontou supostos crimes cometidos pelo presidente ao lidar com a Covid-19 no Brasil; entre eles, a propagação de fake news com a intenção de desacreditar as vacinas, em esquema que seria parecido ao das ‘milícias digitais’, outro inquérito que corre no STF e envolve Bolsonaro.

“Considerando a necessidade de prosseguimento das investigações, nos termos solicitados pela Polícia Federal e previstos no art. 230-C, § 1º, do Regimento Interno do Supremo Tribunal Federal, prorrogo por mais 60 (sessenta) dias o presente inquérito”, escreveu Moraes no despacho.