Quarta, 28 Julho 2021 18:39

Dia do Agricultor é comemorado pela UFRR

Avalie este item
(0 votos)

Nesta quarta (28/7) é comemorado no Brasil o Dia do Agricultor. A data é festejada desde 1960 quando, na gestão do presidente Juscelino Kubitschek, foi publicado o decreto de Lei nº 48.630. A iniciativa fez parte das ações comemorativas do aniversário de 100 anos da fundação da Secretaria de Estado dos Negócios da Agricultura, Comércio e Obras Públicas, em 1860, por Dom Pedro II.  

O Dia do Agricultor celebra e destaca a importância dos agricultores para o desenvolvimento econômico e social do país. A Universidade Federal de Roraima (UFRR) desenvolve diversas ações voltadas à formação e capacitação de profissionais para atuarem na área da agricultura. As principais são executadas na Escola Agrotécnica (EAgro), no curso de graduação em Agronomia e no Programa de Pós-graduação em Agronomia (Posagro).  

 

EAgro

A Escola Agrotécnica da UFRR funciona no campus Murupu, localizado na zona rural de Boa Vista, na região do projeto de assentamento Nova Amazônia. A unidade atualmente oferta o curso superior de Tecnologia em Agroecologia, assim como o curso técnico em Agropecuária na modalidade integrada ao ensino médio e subsequente.  

No curso superior, a EAgro conta com 56 alunos distribuídos em quatro turmas. Na modalidade técnico, existem as modalidades integrada ao Ensino Médio, Proeja e subsequente, com 332 alunos distribuídos em 12 turmas, sendo três de 1º Ano, duas de 2º Ano, duas de 3º Ano, duas de Proeja e três turmas na modalidade subsequente. 

Conforme o diretor da EAgro, professor Jandiê Araújo, as informações adquiridas pelos alunos são difundidas aos produtores rurais da região, principalmente àqueles que apresentam produção de subsistência oriunda da agricultura familiar. É importante destacar que a agricultura familiar representa um importante setor da agropecuária brasileira, responsável por parcelas significativas da produção de gêneros alimentícios que abastecem os núcleos urbanos. 

Conforme Jandiê, “a integração entre o curso técnico em Agropecuária e tecnologia em Agroecologia permite a formação de um profissional capaz de atuar na elaboração, implementação e monitoramento de projetos agropecuários, bem como o manejo de sistemas de produção animal, vegetal e para a gestão de empreendimentos agropecuários, promovendo o desenvolvimento regional com vistas à sustentabilidade econômica, social e ambiental”.

 

Agronomia

O curso de graduação em Agronomia da Universidade Federal de Roraima foi criado em 1993. Nos seus 27 anos de existência já foram diplomados 415 agrônomos. Atualmente possui 230 alunos ativos. As aulas acontecem no campus Cauamé, onde funciona o Centro de Ciências Agrárias.  

O professor Paulo Roberto Ribeiro Rocha, coordenador do curso, destaca que esta graduação da UFRR tem conquistado boas notas do Ministério da Educação nas últimas avaliações feitas, comprovando a qualidade do ensino recebido pelos profissionais formados na instituição.   

“O curso de Agronomia da UFRR oferece uma formação profissional ajustada aos desafios de uma agricultura moderna e sustentável. O seu corpo docente é altamente capacitado e vem desenvolvendo, além das atividades de ensino, atividades de pesquisas e extensão que fortalecem o setor agropecuário do Estado”, afirma o coordenador. 

O professor reforça que os graduados na UFRR vêm ocupando posições de destaque na iniciativa privada ou no setor público. “Esses profissionais são de grande importância para o desenvolvimento do setor agrícola do Estado”, conclui. 

 

Posagro

O Programa de Pós-Graduação em Agronomia da UFRR iniciou suas atividades em 2006, com a aprovação do curso de mestrado recomendado pela CAPES em junho do mesmo ano, com nota 3.  

A criação do mestrado possibilitou que os profissionais das Ciências Agrárias atuantes na região pudessem capacitar-se sem sair do Estado, beneficiando egressos de diversos cursos de Agronomia e Engenharia Florestal ofertados pela UFRR, UERR e Fares. O doutorado em Agronomia da UFRR começou suas atividades em março de 2014. 

O Posagro já registra 126 mestres e 11 doutores formados. Atualmente, 15 pesquisadores estão no mestrado e outros 24 no doutorado. 

O projeto pedagógico do Posagro está centrado na formação acadêmica e técnica-científica nas áreas do conhecimento da Agronomia, subárea Produção Vegetal, visando o aprimoramento acadêmico, técnico e científico de docentes e/ou pesquisadores de Universidades, Institutos de Pesquisa, Empresas de Pesquisa e da Iniciativa Privada. 

Sobre o impacto do Posagro no desenvolvimento da agricultura em Roraima, o professor Valdinar Ferreira Melo, coordenador do programa, afirma que “a qualidade do ensino tem sido avaliada pela ocupação que os egressos estão exercendo nas diversas instituições públicas e privadas nacionais e internacionais e com destaques como empresários da agricultura”. 

O corpo docente do programa está voltado para qualificar recursos humanos com foco na geração de novos conhecimentos e tecnologias, bem como fornecer soluções inovadoras e empreendedoras em ciência, tecnologia e inovação para o desenvolvimento da Agricultura na Amazônia com foco na sustentabilidade da Região Norte e de países fronteiriços. 

Dada à carência de pessoal qualificado nessa porção mais setentrional do Brasil, busca-se, então, a formação de pessoal docente para o ensino superior e de recursos humanos para os setores público e privado, bem como pesquisadores comprometidos com o desenvolvimento científico e tecnológico. 

 

 

....

Coordenadoria de Comunicação Social da Universidade Federal de Roraima (CoordCom/UFRR)